Sem paciência!

Não vou mais ter paciência com certas coisas, não porque me tornei arrogante, mas simplesmente porque atingi um certo em minha vida onde não quero mais gastar tempo com o quem não me agrada ou me machuca. Não tenho mais paciência para cinismo, críticas excessivas, ou qualquer demanda fútil de qualquer natureza. Perdi a vontade de agradar quem não gosta de mim, para amar que não me ama, para sorrir pra quem não sorri para mim.

Não gastarei um único minuto para aqueles que mentem, ou querem me manipular, decidi não coexistir mais com pretensão, hipocrisia, interesse, desonestidade e elogios baratos. Não tolero mais erudição seletiva, arrogância acadêmica ou intelectual.

Não vou ajustar um milímetro para ser aceito, odeio conflitos ou comparações. Acredito num mundo de opostos e é por isso que evito pessoas intransigentes e com personalidade inflexível, falta de lealdade e traição. Não quero a presença de pessoas que não sabem dar um elogio sincero, ou um encorajamento.

Exageros me aborrecem, cansam e chateiam. Tenho também dificuldade em ter alguma consideração em pessoas que não gostam de seus pais e de animais.

Pra fechar, o mais importante de tudo, não tenho paciência com ninguém que não mereça minha paciência.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s